a
a
InícioSlideshowA União faz a força!

A União faz a força!

Após ato público em Campina Grande, GVT/VIVO responde as reivindicações dos trabalhadores Na tarde de quarta-feira, 01 de junho, após ato público de advertência realizado pelo Sinttel-PB na GVT/Vivo de Campina Grande, a representação Nacional da empresa entrou em contato com o sindicato para tratar das pendências relacionadas ao Acordo Coletivo 2015/2016 e outras demandas dos trabalhadores há tempo encaminhadas e ainda sem respostas. Com relação ao Vale Alimentação do pessoal de campo foi informado que o valor facial do tíquete já reajustado é de R$ 23,25. O total do benefício para quem cumpre 5 dias de trabalho semanal é de R$ 488,27. Já para aqueles profissionais que cumprem 6 dias de trabalho, com trabalho aos sábados, será concedido mais um tíquete extra no valor facial de R$ 23,25, sendo este pago em dinheiro por cada sábado trabalhado. É importante que os companheiros que cumprem a jornada nos sábados, observem nos contracheques uma rubrica com o código 1846 com a especificação "Auxílio Refeição Extraordinária". O Sinttel-PB cobrou também o pagamento de uma diferença do agregamento que, até então, não tinha sido paga. Isso porque, o reajuste do aluguel do carro é retroativa a 1° de janeiro. Como a data do pagamento dos aluguéis é até o dia 10 de cada mês, a empresa deveria ter pago o mês de janeiro no dia 10 de fevereiro; o mês de fevereiro no dia 10 de março; e o mês de março já ter vindo atualizado. Segundo os companheiros informaram ao sindicato, a empresa pagou apenas a diferença relacionada a um mês. A empresa se comprometeu analisar e resolver o caso. Sobre as pendências de pagamentos de benefícios a alguns companheiros que tiveram problemas com a migração do sistema (a unificação entre as folhas da Vivo/GVT), a empresa se comprometeu que envidará esforços para agilizar todos os pagamentos devidos, informando, inclusive, alguns adiantamentos que já foram feitos às pessoas afetadas por esse problema. O Sinttel-PB continuará acompanhando e cobrando agilidade. Com relação ao Vale Transporte que não está sendo pago aos trabalhadores do setor administrativo e auxiliares que fizeram a opção pelo benefício, a GVT/Vivo também se comprometeu que vai solucionar o problema o mais rápido possível. Companheiros, está comprovado que a linguagem que a empresa entende é a PRESSÃO. É importante que vocês se mantenham unidos, confiantes no sindicato, porque só assim o Sinttel-PB estará fortalecido para a luta.
Sem comentários

Deixe um comentário