a
a
InícioNotíciasI Módulo do Curso de Política e Gestão Sindical da CUT-PB planeja e articula estratégias de resistência ao movimento sindical

I Módulo do Curso de Política e Gestão Sindical da CUT-PB planeja e articula estratégias de resistência ao movimento sindical

A secretária de Formação da Central Única dos Trabalhadores da Paraíba (CUT-PB), em parceria com a Escola Nordeste de Formação da CUT realizou nos últimos dias 21, 22, e 23 de setembro, no auditório do Sindágua, o curso de “Gestão e Política Sindical” com o objetivo de preparar os (as) dirigentes para os desafios conjunturais políticos e sociais, que ameaçam à classe trabalhadora. O I módulo do curso de gestão da CUT-PB foi ministrado pelo educador da Escola Nordeste da CUT - Marco Levay, juntamente com o secretário-geral da CUT-PB, Joel Nascimento e o secretário de Formação, Tião dos Santos. Para o secretário de Formação, Tião dos Santos, o curso superou as expectativas ao fazer um balanço da situação que cada sindicato enfrenta e traçar novos direcionamentos para o enfrentamento ao cenário de retrocessos. “Estivemos revendo todas as práticas sindicais na perspectiva de melhorar a atuação dos dirigentes com a base”, explicou. Segundo ele, essa formação contribui imensamente para o fortalecimento dos sindicatos. “O curso veio oxigenar a luta do movimento sindical, que vem passando por uma série de graves ataques, entre eles, o da Reforma Trabalhista e os desafios que os sindicatos estão enfrentando com um cenário totalmente desfavorável à classe trabalhadora”, afirmou. De acordo com o secretário-geral da CUT-PB, Joel Nascimento, um novo processo de resistência vem se tornando fundamental para o movimento sindical. “Para além de tantas questões essenciais à Central, a formação tem buscado organizar as políticas específicas em cada setor de atuação do movimento sindical e a troca de experiências faz com que esse curso se torne bastante estratégico, uma vez que, consolida o projeto político-sindical de disputa hegemônica na sociedade”, ressaltou. Durante os três dias de curso, o debate sobre as principais questões políticas, jurídicas, administrativas e contábeis que envolvem a estratégia de gestão sindical CUTista e o aprofundamento da democratização dos processos de tomadas de decisões nas entidades direcionaram as discussões na consolidação de uma estratégia de auto-sustentabilidade das instâncias e políticas da CUT. Fonte: ASCOM CUT-PB
Sem comentários

Deixe um comentário